Presidente do MCMP cobra cumprimento das Leis na Tribuna Livre, destacando Perturbação do Sossego Público!

 

 

Ocupou a Tribuna Livre da Câmara de Vereadores na última sexta-feira, o Presidente do Movimento Contra a Morte Prematura, André Cairo, defendendo a vida e o bem estar, destacou perturbações com sinais acústicos elevadíssimos em veículos motorizados, Vias Públicas, Bares, Eventos, barulho em descargas livres de automóveis e motos, como se não existissem Leis, “ninguém acima

da Lei 695/93 do Código de Postura, Resolução Estadual 1.105/96, do Decreto 3688 do Art. 42 das Contravenções Penais, Direito de Vizinhança, Constituição etc.”, reafirmou Cairo.

 

Expôs e leu no Jornal Tribuna de Conquista de 28/02/1990, MCMP Adverte: Poluição sonora é contra a Lei e afirmou, “perturbações continuam por 27 anos e os Poderes Públicos não sabem? Ser Vereador não é difícil, tão pouco cobrar do Executivo a cumprir as Leis; e ser Prefeito não é difícil, difícil é ser perfeito, mas isto é possível”. Acrescenta que o sofrimento dos moradores persiste e as Autoridades com o Poder nas mãos, desistem? Nada fazem? Desabafa, Cairo.

Cobrou melhorias na Saúde, Educação, Segurança, Lei 10.257 do Estatuto da Cidade, livre acesso das pessoas com deficiência, Semáforos sonorizados, atualização do Shopping Popular, citou profecias do MCMP, Varejo Vivo da CDL e PMVC, já Vejo Morto e o Petrolão, quando em 2013, protestou em Brasília no auge do Mensalão.

Rememora audiência c/ o Prefeito Herzem Gusmão, em 22/02/2017, entregando OF.MCMP-039/2017, com 114 itens reivindicatórios, o 19, Perturbação do Sossego Público, sendo aplicadas medidas, mas não resolveu o gravíssimo problema. Finalizou Cairo, bradando, “A gazela desperta ao nascer do sol, pedras com dinamite, entenderam?” Até o final da Sessão, foi elogiado pela maioria dos Vereadores.

 

ASCOM do MCMP   –  Foto: ASCOM – CMVC

Deixe uma resposta